PSDB
Carta de Manaus - Diálogos Amazônicos
25 de Abril de 2019
Prestes a passar por mais um processo de eleição interna, o PSDB está se lançando na discussão das diretrizes programáticas que trouxeram o partido até aqui. Pouco mais de três décadas depois de sua fundação, é hora de se reposicionar, renovar ideias, reestabelecer identidades e, sobretudo, apontar, com firmeza e nitidez, propósitos para o futuro. De conectar-se, uma vez mais, ao pulsar das ruas, de ouvir verdadeiramente a voz das ruas e dar voz a sua militância em todo o país, principalmente na Amazônia, maior região geográfica do país.

É com este pensamento que a Juventude do PSDB dos estados do Norte se reuniu, com apoio do Movimento #MudaPSDB e do Instituto Teotônio Vilela, na cidade de Manaus para debater os pontos abaixo explicitados, pontos estes que são fundamentais na reconstrução do partido, na opinião dos líderes jovens do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

O foco central é a redefinição do papel da Juventude como segmento de formação de lideranças no partido. Para tal, acreditamos fundamentalmente na importância de a JPSDB ter acesso a 1% do fundo partidário para realizar ações e focar na formação política de base em todo o país. Da mesma forma, é necessário que o partido reserve uma cota garantida do fundo eleitoral para as candidaturas indicadas pelas juventudes estaduais do PSDB, respeitando os critérios regionais de definição das candidaturas prioritárias.

Mas não apenas isso. O PSDB dos novos tempos deve ser o PSDB da contemporaneidade, de vozes sociais conectadas em redes, com maior participação da sociedade civil, por meio de seus filiados. Tendo este princípio como centro, acreditamos que a Juventude do PSDB deve ter uma central de comunicação unificada em nível nacional para atender as ações e projetos dos jovens tucanos em todo o país. Levando-se em consideração as dificuldades logísticas do Norte, uma agência central ajudaria nas ações e com a organização da militância. A Juventude Tucana poderá ter um calendário regional de ações, proporcionando aos jovens amazônidas ações padronizadas com a visão regional que lhe são necessárias.

É na força transformadora dos jovens, que no seu cotidiano lutam por um país melhor, a despeito de governos que nem sempre os ajudam, que está a chave para o futuro que se almeja. Portanto, a juventude do PSDB precisa incentivar e atuar ativamente no fomento de candidaturas de jovens tucanos aos conselhos tutelares e aos conselhos sociais como os de políticas para a juventude, esportes, educação, LGBT e tantos outros.

Também acreditamos ser fundamental que o PSDB institua como política interna a obrigatoriedade de todos os diretórios municipais terem o Secretariado da Juventude e o incentivo direto para que toda gestão tucana, seja municipal ou estadual, crie um órgão formulador de políticas públicas para a juventude e o Conselho Municipal (ou estadual) de Juventude, priorizando os militantes da Juventude do PSDB nesses espaços de promoção de políticas públicas.

O PSDB precisa de mais cidadania e democracia interna, de maior participação da juventude com transparência e responsabilidade. Portanto, solicitamos à nova direção nacional do partido que garanta à Juventude do PSDB um espaço de representação digno, com a garantia do retorno da Cadeira de Representante da Juventude na Executiva Nacional do PSDB.

As Juventudes do PSDB da região Norte, em ação unida, organizada e na busca pelo predomínio absoluto do interesse dos jovens tucanos, acreditam que os pontos abordados nesta carta são atributos indispensáveis para todos os que querem um PSDB realmente renovado, mais justo, mais próspero. Com a garantia desses pontos, temos certeza que a Juventude Tucana será parte fundamental da mudança que fará com que o PSDB volte a ser uma opção de representação válida para a maior parte dos brasileiros já em 2020.

Manaus, 20 de Abril de 2019.

Comentários