PSDB
"Carta aos Tucanos", por Tasso Jereissati
14 de Março de 2019

Amigos e amigas do PSDB, 2018 foi um ano muito difícil para o nosso partido. Embora tenhamos apresentado propostas concretas e claras para a sociedade brasileira e o melhor candidato a presidente para este momento de crise vivido pelo Brasil, as urnas foram duras com a nossa legenda, deixando-nos uma lição clara de que precisaremos de mudança de atitude, de renovação política e de reaproximação com os brasileiros.

Muitos desafios estão postos e precisamos nos preparar para enfrentá-los. O primeiro será o de ajudar o país a superar uma grave crise econômica que afeta milhões de brasileiros, fruto das gestões irresponsáveis e incompetentes do PT. Temos o dever de, sem adesão ao governo de plantão, ajudar na aprovação de matérias relevantes para a retomada da economia. O PSDB, com independência política, não faltará ao povo brasileiro.

Nossa segunda grande tarefa este ano será a da organização interna. Precisamos reanimar os militantes, apoiar nossos governadores, senadores, deputados, prefeitos e vereadores para que todos possam apresentar soluções ao Brasil e à nossa população. Isso só será possível na medida em que o PSDB se abra ao debate e promova discussões internas sobre temas diversos, garantido uma ampla participação dos seus líderes e militantes.

Nesse sentido, o Instituto Teotônio Vilela (ITV), cumprindo seu dever de promover a discussão política e a formação dos seus quadros, irá retomar a exitosa experiência das "Cartas de formulação" em um novo formato. Daremos voz aos tucanos de todo o Brasil, que poderão enviar seus artigos para publicação em nossas plataformas digitais, por meio do e-mail imprensaitv@itv.org.br. Os artigos serão apreciados pelo Conselho do ITV e publicados periodicamente, com o objetivo de fortalecer as nossas posições políticas.

Em meu nome e do nosso presidente nacional, Geraldo Alckmin, convido todos a participar dessa mobilização, que irá nos ajudar a apontar caminhos para o nosso partido e para o Brasil.

Tasso Jereissati, presidente nacional do Instituto Teotônio Vilela (ITV)




Comentários