Outros
PSDB amplia bancada na Câmara, tem campeões estaduais e lidera ranking de votos na legenda
28 de Outubro de 2014

O resultado da eleição para a Câmara dos Deputados neste ano foi positivo para o PSDB e demonstrou a confiança do eleitor no partido, que foi o único a crescer entre as principais legendas na Casa. Enquanto o PT e PMDB perderam, respectivamente, 18 e cinco deputados em relação a atual bancada, os tucanos ampliaram em 10 o número de parlamentares, passando dos atuais 44 para 54. Entre os eleitos, campeões de votos em seus estados. Além disso, foi o que mais recebeu votos de legenda. Em uma eleição na qual 28 partidos conseguiram eleger deputados, seis a mais que atualmente, manter-se como a terceira maior bancada e ainda ampliar o número de parlamentares é um resultado comemorado entre os tucanos.


Atual líder, o deputado Antonio Imbassahy (BA) classificou o resultado de “notável”. “Isso indica a qualidade das nossas propostas e qualificação dos nossos quadros”, destacou o parlamentar, que foi reeleito. O tucano conquistou a maior votação entre todos os candidatos em Salvador. Dos 120.479 votos conquistados no estado, que o colocaram entre as votações mais expressivas da Bahia, 87.285 foram de eleitores da capital.


Também reeleito, Vanderlei Macris (SP), atualmente 1º vice-líder da bancada, comemorou a expressiva marca de 1,92 milhões de voto em legenda confiados ao PSDB, fazendo-o campeão de votos nessa modalidade. O partido ultrapassou o PT, que liderava na preferência entre os que escolhem votar dessa maneira, mas que neste ano amargou queda de quase 25%. “Nosso partido está vigoroso em defesa da sociedade brasileira”, destacou o tucano.


Amazonas, Goiás, Mato Grosso, Paraíba e Roraima foram os estados onde os deputados eleitos mais bem votados são do PSDB. Em números proporcionais, o candidato com maior votação foi o deputado estadual Artur Bisneto, do Amazonas, com 15% dos votos (250 mil). Em seguida, ficou Shéridan, de Roraima, com quase 15% dos votos (35 mil). Pedro Cunha Lima conquistou a confiança de mais de 179 mil paraibanos, um total de 9,29% dos votos válidos.


Já Nilson Leitão (MT), único entre os recordistas que já exerce mandato de deputado federal, recebeu mais de 127 mil votos dos mato-grossenses, o equivalente a 8,78% dos votos válidos. Destaque nas eleições em Goiás, Delegado Waldir, que na atual legislatura foi suplente na coligação do PSDB, arrebatou mais de 274 mil votos com uma campanha, segundo ele, “modesta e ousada”. “Sem cabos eleitorais, sem vereadores, sem prefeitos e sem estrutura, mas com o povo do nosso lado”, disse o tucano, que apostou nas redes sociais todas as fichas para mobilizar voluntários e simpatizantes. Ele tem mais de 347 mil seguidores no Facebook.


São Paulo, maior colégio eleitoral do país, foi o estado no qual o PSDB fez o maior número de deputados: 14 no total. Bruno Covas, neto de um dos fundadores do PSDB e ex-governador do estado, Mário Covas, foi o campeão do partido em números absolutos. O tucano recebeu 352.708 votos e foi o terceiro mais votado entre os paulistas.


Com o reforço dos novatos e a experiência dos veteranos a bancada tucana continuará seu trabalho por mais quatro anos sempre a favor do Brasil.


*Do portal do PSDB na Câmara

Comentários