“Dilma colhe os resultados das mentiras sucessivas que lançou ao país”, afirma Aécio Neves
09 de Fevereiro de 2015

Brasília (DF) – O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, comentou, no último sábado (07), as informações divulgadas pela pesquisa Datafolha. O levantamento apontou que a popularidade da presidente Dilma Rousseff caiu de 42% para 23%, atingindo a pior marca de seu governo. Em dezembro do ano passado, Dilma tinha 42% de ótimo/bom e 24% de ruim/péssimo. Agora, segundo a pesquisa, a petista registrou, respectivamente, 23% e 44%.


Aécio afirmou que o resultado confirma a “grave realidade” vivida pelos brasileiros e citou as “mentiras sucessivas” da presidente durante a campanha como prováveis causas para o pessimismo da população.


“A presidente colhe hoje os resultados das mentiras sucessivas que lançou ao país e que conduziram a sua campanha eleitoral. O Brasil real aflora a cada dia e não há marketing ou propaganda capaz de esconder a grave realidade enfrentada pelos brasileiros”, lamentou.


De acordo com o Datafolha, 21% dos entrevistados apontaram a corrupção como o principal problema, enquanto 26% consideram a saúde. A perda de prestígio da presidente também fez com que ela obtivesse apenas 4,8 – nota considerada vermelha.


Ainda segundo a pesquisa, 77% dos entrevistados acreditam que ela tinha conhecimento da corrupção na Petrobras, 47% a consideram desonesta, 54% a denominam falsa e 50% indecisa. A presidente não escapou nem dá má avaliação de seus correligionários: 15% dos petistas falam em desonestidade e 19%, em falsidade.

Comentários