Educação
Ações pelo Brasil mostram compromisso do PSDB com a educação
23 de Fevereiro de 2017

O acesso à educação de qualidade sempre foi uma prioridade nas administrações do PSDB. Privilegiar o ensino em um plano de governo é dar a oportunidade aos cidadãos de terem uma boa qualificação profissional e qualidade de vida. Em meio às discussões sobre a reforma do ensino médio, que vai aprimorar a qualidade das disciplinas oferecidas aos jovens, exemplos de políticas públicas e ações tucanas na área educacional podem ser vistos por todo o país.


Governadores, prefeitos e vereadores trabalham alinhados para garantirem aos brasileiros este direito constitucional.


Secretária da Educação de Goiás, Raquel Teixeira, durante inauguração de nova escola estadualO estado de Goiás, governado pelo tucano Marconi Perillo (PSDB-GO), lançou nesta terça-feira (21) o projeto Caderno de Atividades Aprender +, destinado aos alunos dos 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e 3ª série do Ensino Médio. O material complementar integra o compromisso do governo do estado de ter a excelência e a equidade como pilares norteadores das escolas estaduais.


O material pedagógico complementar amplia e sistematiza conhecimentos em Língua Portuguesa e Matemática. Cento e cinquenta mil estudantes e oito mil professores das escolas estaduais dos 246 municípios goianos já receberam três volumes do Aprender + para serem trabalhados durante os três primeiros bimestres de 2017.


A secretária de educação do estado, a tucana Raquel Teixeira (PSDB), afirmou que o material ajudará os alunos no desenvolvimento de competências e habilidades ao longo da vida. Ela ressaltou as mudanças das demandas educacionais atuais e a necessidade do aluno da rede pública saber “reunir várias informações, fazer síntese, fazer hipóteses, formular conceitos, fazer generalizações, interpretar textos”.


“São essas competências e habilidades que o mundo requer hoje. O aluno deve ter a capacidade de se comunicar claramente, de interpretar ironia, metáforas e o caderno de exercício trabalha neste eixo. Um Material didático sistematizado faz toda a diferença e tem um impacto real na aprendizagem do aluno”, enfatizou Raquel.


O governo do Mato Grosso, liderado pelo tucano Pedro Taques (PSDB-MT), também saiu na frente nas iniciativas em benefício dos alunos da rede pública de ensino. Na última sexta-feira (17), o secretário de Estado de Educação, Esporte e Lazer, Marco Marrafon, apresentou para a população local o projeto Pró-Escolas. O programa da Secretaria de Educação do estado abrange o desenvolvimento de ações em estrutura, ensino, inovação e esporte, com foco na melhoria da aprendizagem e redução da evasão escolar.


Segundo reportagem do portal do governo, o secretário afirmou que já possui um cronograma definido para orientar a construção e reforma de 49 unidades de ensino em Mato Grosso. Em um ano, a Secretaria aumentou o número de escolas em tempo integral de quatro para 15, e que o plano é elevar essa quantidade para 45, até 2018.


Avanços 
As prefeituras tucanas também têm se destacado em ações de melhoria do sistema educacional. A administração municipal de Manaus, conduzida pelo prefeito Artur Virgílio (PSDB-AM), anunciou nesta segunda-feira (20) a “Campanha de Conservação dos Livros Didáticos 2017”.


O projeto busca mobilizar toda a rede municipal, alunos, pais e professores sobre a importância da conservação dos livros didáticos, de forma a mantê-los em boas condições de uso, para que sejam reutilizados por outros alunos no ano seguinte. A medida se enquadra na política de austeridade adota pelo prefeito Arthur Virgílio Neto, que visa reduzir o desperdício do dinheiro público, minimizando gastos e otimizando os investimentos.


Segundo a coordenadora municipal do Livro Didático, Loana Portela, a campanha não se restringe ao cuidado com as capas ou com o manuseio dos livros.


“Por meio de palestras com pais e alunos, além de atividades lúdicas como teatro e fantoche, é trabalhada a conscientização dos alunos no cumprimento de seus deveres em preservar as coisas públicas”, disse Loana.


Ainda em Manaus, o Programa Segundo Tempo, da Prefeitura, será o primeiro do Brasil a contar com a modalidade Stand Up Paddle (SUP). As atividades atenderão aproximadamente 100 crianças por dia das comunidades do Tarumã, Novo Livramento e Tupé. As aulas serão realizadas no flutuante Tribal SUP, localizado na Praia Dourada, e Tarumã, na zona Oeste. Mais uma vez, a iniciativa partiu do prefeito Arthur Neto que pretende que as atividades esportivas da prefeitura ultrapassem a zona urbana e cheguem à zona rural manauara.


Os professores de Teresina, cidade administrada pelo prefeito Firmino Filho (PSDB-PI), serão qualificados por meio de cursos que oferecem diversas modalidades nas áreas de informática, artes e educação. A ideia é que, a partir da capacitação de professores e pedagogos, os alunos e a comunidade em geral recebam uma educação de melhor qualidade. Os cursos ofertados para este primeiro semestre são: Informática Básica e Avançada, Arte e Tecnologias na Educação Infantil e Monitoria Voluntária.


Além desta iniciativa, a prefeitura – em conjunto com a Divisão de Esporte da Secretaria Municipal de Educação (Semec) -, reuniu professores de educação física das Escolas Municipais que irão participar dos XXIII Jogos das Escolas Municipais de Teresina (JETs). O evento promovido pela prefeitura é uma forte ferramenta pedagógica para a melhoria do desempenho acadêmico dos alunos, trabalhando temas como gênero, saúde e violência. A abertura dos jogos está marcada para o dia 4 de abril.

Comentários