Economia
Controle da inflação e estabilidade econômica garantiram melhorias na vida dos brasileiros, avaliam deputados tucanos
02 de Julho de 2019
Há 25 anos, em 1º de julho de 1994, começava a circular no país o Real, a nova moeda que transformaria a economia brasileira. Após anos de inflação nas alturas, a equipe liderada por Fernando Henrique Cardoso desenhou um plano que fosse capaz de conter a alta dos preços.

Deputado Beto Pereira (MS)"A inflação corroía os salários dos trabalhadores. Você não conseguia garantir o que seria possível comprar no fim do mês. A remarcação dos preços era diária. O cidadão comum não tinha algo que hoje é corriqueiro: comprar de forma parcelada", lembrou o deputado federal Beto Pereira (MS), secretário-geral do PSDB nacional.

"O Real foi uma grande conquista do Brasil e dos brasileiros. O Plano, criado pelo PSDB de Fernando Henrique Cardoso, trouxe estabilidade econômica, domou o dragão da inflação e deu oportunidade a todas as pessoas de planejar suas compras sem se preocupar com a mudança diária de preços", completou.

Deputada Shéridan (RR)O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que representa a inflação oficial, chegou a atingir 2.477,15% em 1993. O poder de compra do trabalhador diminuía a cada dia, e a população convivia com uma corrida aos supermercados para garantir os alimentos da família.

Não era difícil ver funcionários de lojas remarcando os preços dos produtos diariamente. "Quem viveu essa época sabe que coube a Fernando Henrique Cardoso a tarefa de trazer estabilidade econômica ao país. O objetivo principal do Plano Real era o controle da hiperinflação, e o sucesso do plano trouxe de fato estabilização econômica efetiva", ressaltou a deputada federal Shéridan (RR).

Deputada Mariana Carvalho (RO)Hoje o brasileiro vive uma realidade muito diferente, com a meta de inflação em 4,25% para 2019. "O Real permitiu o controle dessa hiperinflação e possibilitou que novos itens pudessem chegar à mesa dos brasileiros. Que possamos respeitar a história e nos lembrar que sem essa medida nenhuma outra ação social teria obtido sucesso", afirmou a deputada federal Mariana Carvalho (RO).

Do PSDB na Câmara

Comentários