< VOLTAR

‘O governo anterior superestimava as informações boas’

Fonte: O Estado de S. Paulo
em 20 de Maio de 2016
O ministro das Cidades, Bruno Araújo, disse ao Estado ter orientado a Caixa a suspender emendas e contratos do ministério até ele ter “clareza” sobre seu orçamento. Com isso, poderia ter espaço para “escolhas” ao longo do ano. Ainda com os quadros que tinha no gabinete da Câmara dos Deputados espalhados pela mesa da sede do ministério, Araújo afirmou que é importante uma “sincronia” com as vice-presidências do banco estatal que tocam os programas do governo, como o Minha Casa Minha Vida. A seguir, os principais trechos da entrevista.
LEIA MAIS