< VOLTAR

Fundos de pensão podem ter novas regras

Fonte: O Estado de S. Paulo
em 07 de Abril de 2016
Em meio a prejuízos bilionários de fundos de pensão ligados a estatais e bancos públicos, o Senado aprovou nesta quarta-feira, 6, projeto de lei complementar que reduz a influência política na escolha de diretores de fundos de pensão. A proposta, relatada pelos senadores Aécio Neves (PSDB-MG) e Ana Amélia (PP-RS), cria mecanismos para impedir que dirigentes de partidos participem da gestão de entidades fechadas de previdência complementar vinculadas ao poder público. A matéria agora seguirá para a Câmara.
LEIA MAIS